Modelo 30

Registo de movimentos e produção do Dossier Fiscal


Sabia que agora já pode efectuar os registos dos movimentos das provisões, perdas por imparidade em créditos e ajustamentos em inventários, e ainda gerar o ficheiro para o Dossier Fiscal?

A Portaria nº 92-A/2011 de 28 de Fevereiro veio reformular o conjunto de documentos que passam a integrar o Dossier Fiscal, entre eles o Mapa Modelo 30 - Mapa de Provisões, Perdas por Imparidade em Créditos e Ajustamentos em Inventários.

De forma a darmos resposta a esta obrigação fiscal existe no menu Contabilidade uma opção denominada Modelo 30 que tem como função a preparação dos elementos para o processamento do ficheiro XML, que faz parte do Dossier Fiscal.

O Modelo 30 tem como objectivo controlar a constituição, manutenção, reforço, utilização e reversão das provisões, das perdas por imparidade em créditos e ajustamentos de inventários reconhecidos no período de tributação em causa.

Esta funcionalidade encontra-se disponível no Módulo PHC Contabilidade CS em todas as gamas a partir da versão 2013.

O ecrã Modelo 30 - Provisões, Perdas por Imparidade em Créditos e Ajustamentos em Inventários é composto por duas páginas:

- Na primeira página (“Discriminação”) deverá ser inserida toda a informação respeitante ao movimento. A informação nesta página esta dividida em três grupos e corresponde à coluna 1 do mapa fiscal.

O primeiro grupo encontra-se dividido por “Perdas por Imparidade em Créditos” e “Ajustamentos em Inventários” onde devem ser incluídas as imparidades de dívidas a receber de clientes e ainda os ajustamentos de inventários.



No segundo grupo encontram-se as Provisões e Perdas Fiscalmente não dedutíveis, onde devem ser incluídas as perdas de imparidade com instrumentos financeiros (que não sejam dívidas a receber de clientes) reconhecidas na NCRF 27 e os investimentos financeiros reconhecidas na NCRF 12.

No terceiro grupo pode criar as Provisões Fiscalmente Dedutíveis necessárias. Neste grupo devem ser incluídas as provisões reconhecidas contabilisticamente nos termos da NCRF 21 e ainda as que se enquadrem nos art. 39º e 40º do CIRC, como por exemplo os encargos com garantias a clientes (garantias previstas em contratos de compra e venda e de prestação de serviços).



Ao seleccionar esta opção, activa o campo onde é possível escolher um dos registos existentes ou criar um novo.

- Na segunda página deste ecrã (“Movimentos”) serão lançados os movimentos do período e as colunas da grelha apresentada serão actualizadas de acordo com o item escolhido na primeira página.

Para efectuar um registo, após seleccionar o item pretendido na página “Discriminação”, deve-se escolher a página “Movimentos” e clicar no botão que se encontra no canto inferior esquerdo do ecrã: “Introduzir Movimento”.

Após o lançamento de todos os registos para o período, para produzir o Modelo 30 em formato XML, é necessário aceder ao menu “Contabilidade”, opção “Dossier Fiscal” ou se possuir o Módulo de Imobilizado pode também aceder à mesma opção no menu “Imobilizado”. Ao ter ambos os módulos, para além do Modelo 30 é ainda visível o Mapa Modelo 31 e o Mapa Modelo 32 no ecrã Dossier Fiscal.

Contamos que esta informação lhe tenha sido útil e que se mantenha atento às próximas edições da iDirecto.

Até breve,

Paula Santos
Qualidade
PHC



Setembro 2012

Veja ainda...

Copiar utilizador para várias BDs
Agendamento de Tarefas
Reembolso de IVA
Do SAF-T para a Contabilidade. Em segundos.
Mapas de Gestão
Novos parâmetros na Contabilidade
Ficha reduzida de Clientes e Fornecedores
Usar o Apuramento Encadeado
PHC InterOp CS
Documento Pré-definido com factor multiplicativo
Novo Ano Contabilístico
Teclas de Utilizador com Funções Especiais na Contabilidade
Tenha toda a informação organizada e encontre num instante o que procura no Plano de Contas do PHC CS Contabilidade
Importar mapas de gestão
Importar dados de um ficheiro SAF-T-PT